sexta-feira, novembro 17, 2006

A viagem
Há pouco tempo perguntei-te se sonhavas. Não percebeste a minha pergunta. Se sonhas, Avó, à noite, enquanto dormes! Disseste-me que sim, e que até te costumavas lembrar dos sonhos.
E sonhas com o quê? Com tantas coisas, disseste-me tu.
Com o Avô, por exemplo?
Sorriste-me como nunca me tinhas sorrido. Foi uma espécie de sorriso malandro, envergonhado, parecias uma criança pequena quando me disseste que sim, também sonho com o Avô...
Boa viagem Avó. Dá um beijinho ao Avô Zé por mim.

5 comentários:

Aluada disse...

Bonito! Os sonhos são também viagens de encontros. :)

racker disse...

Infelizmente perdi a avó que eu mais gostava quando ainda não tinha idade para fazer essas perguntas... vão ficar por fazer... para sempre!

apipocamaisdoce disse...

:(

zeni disse...

Bonito!
Diz á tua avó para dizer ao teu avô Zé para dizer ao meu que eu mandei um beijo...

Filipa M. disse...

Era o desejo dela desde à muito...
Gostava era de acreditar que isso é mesmo possivel - o encontro.
Pena que não recebemos avisos de recepção.... né?

Beijão de mim.