terça-feira, fevereiro 02, 2010

Vida a 2
Começou com uma sugestão inocente "E se comprasses uma bicicleta para ti para fazermos passeios ao pé do rio ou em Monsanto?". E eu, verdinha "Não sei bem se gosto de andar de bicicleta, mas se te faz feliz...".
Depois é o que se sabe. Meti-me naquela coisa do Passeio pelo Ambiente, que me valeu uma crise conjugal mais o rabo e certas zonas-do-ai-jesus assadas durante duas semanas.
A minha ideia era comprar uns patins-em-linha e acompanhá-lo nas passeatas. Pelos vistos não serve, por isso de vez em quando lá vem a conversa "Fui à Decathlon e há lá umas pasteleiras em rosa por tuta e meia". Eu nada. Ele remata "Tem um cestinho...".
Depois insiste com olhinhos de bambi "Olha aquela família a andar de bicicleta! Não é giro ter a cadeirinha da criança montada lá atrás?". Não brinca em serviço, a sacar do tema "bebés". Eu faço-me de morta.
Depois o desespero "É que se tu viesses comigo era uma actividade que fazíamos em conjunto, não tens a mania que devíamos fazer coisas diferentes?!! Olha uma boa oportunidade!!".
E eu, que já não tinha saco para a conversa da bina, só me apetecia agarrar nos travões de disco hidraulico, mais no quadro em aluminio hidroformado, mais nas câmaras-de-ar e na suspensão com lockout, e enfiar tudo (muito bem arrumadinho) num sítio que eu cá sei!
Em vez disso sugeri "Tens razão. Então e aulas de dança de salão?".
Remédio santo.

3 comentários:

Teresa disse...

Muito bem jogado :D

micose_ou_mifrita disse...

Ele estava a apostar forte.
Mas demonstraste uma agilidade assinalável :-P Grande golpe de rins

Carla Isabel disse...

ahahah...
ok ! agora ri-me!

:)