segunda-feira, maio 08, 2006

Shusen!*

Era capaz de viver uns tempos em Praga. Pelo menos para conseguir perceber como é que é a cidade sem turistas, essa ralé de máquina fotográfica em punho e de sandália com meia branca.
A cidade encheu-me as medidas - e eu não sou propriamente pequenina! É linda de morrer, com aqueles edifícios velhos e bem conservados, aquela luz envolvente de fim de tarde e aquela cerveja que se bebe de olhos fechados.
As pessoas é que são de uma antipatia estúpida! Tentam roubar nas contas, respondem mal nos restaurantes e supermercados. Houve mesmo uma senhora da caixa que merecia uma belinha naquela tromba feia, pela resposta que me deu quando lhe pedi mais um saco de plástico.
Mia: Can you give me one more plastic bag, please?
Nenhuma resposta, ela continuava a amontoar as compras abruptamente sem olhar para mim.
Desconfiada que a puta da mulher me tinha ouvido, mas ainda dando o benefício da dúvida, voltei a pedir:
Mia: Can you give me one more plastic bag, please?
Puta da Mulher: Jasljfljn cllcnlj sdklkiwehqoihf ronhónhó limatupiba lçjsef jkd!!!!! - (checo) - I know!! I know!!!A minute, ok??!!!
Irra, gente mal disposta!!! Claro que fiquei logo com vontade de a esbofetear até á morte logo ali no supermercado Alberto com o pacote de leite Euroshopper. Enfim, adiante!
Fui a uma discoteca, a Mish Mash e foi a loucura! A percentagem de gajas boas VS Gajos nogentos é assustadora! E quando digo gajas boas, quero dizer mesmo boas e produzidas a esfregarem-se umas nas outras, nos homens, nas cadeiras e nos varões. Até eu apanhei por tabela e tive direito a um sorriso-come-me-já-aqui de uma tipa com um vestido justo de cabedal preto que me fez um daqueles olhares e sorrisos enquanto dançava para mim. MEDO!!
Já homens com H grande é mentira...
Como a vidinha não é só borga, dei uma de culta e lá fui à Ópera ver o Requiem do Verdi, vi uma peça de Teatro Negro, concerto de Jazz, enfim...quem pode, pode! E como em Praga eu podia, fui!
Já em Viena a história é outra! Eu já não podia com os preços daquela cidade! Paguei €4.50 por um Marlboro e €2,60 por um café! Também gostei muito de Viena, toda organizadinha com os seus monumentos fantásticos e as suas ciclovias. Toda a gente anda de bicicleta, até vi umas senhoras completamente aperaltadas, cabelos impecáveis e malinhas Luis Vuitton a passearem-se elegantemente de bibicleta por Viena. Decidi que quero ser assim! :p
Contas feitas, adorei esta semaninha que passou num instante. Andei que me fartei, comi e bebi bem, matei algumas saudadinhas do meu mano e descansei a cabeça! De regresso a casa deparei-me com duas gatas completamente carentes e uma casa cheia de cócós!
A vida não está fácil para quem volta de viagem.
Depois de uma semana de laró, dou de caras com a minha vida de todos-os-dias. Cá estou eu, de rabo espalmado na minha cadeira de sempre, nesta minha sala sem janelas, onde a ideia de voltar a passear sem relógio por locais desconhecidos me parece cada vez mais distante.
Neura? Pois claro que tenho neura!!
*Lê-se Shãsan e é uma palavra inventada para safar o Tuga viajante que não sabe falar a língua do país que está a visitar. Pode significar tudo o que o Tuga quiser: obrigado, merda, vai chover, sim, não, acabou-se o dinheiro, perdemos o autocarro, desculpe, olá, etc... Caso seja necessário, o Tuga mais mangas pode inclusivamente construir frases soltas com a palavra shusen. Basta fazer um sotaque inglês.
Exemplo: Shusens strugens stufens, shrifens shtusens shusens!!

4 comentários:

SUSHISTICK disse...

"Shusen"
parece Sushi dito com 1 saco plástico enfiado na mona....

(e sim......Praga é lindo......;P)

Isolamentos disse...

...eu era capaz de viver uma vida inteira em praga...mas tenho essa mesma curiosidade que tu: conhecer a cidade sem turistas...se é que é possível. e não me lembro de as pessoas serem antipáticas... :)

...a outra vida, deixava para viver em viena...aí sim...e deixaste-me com umas saudades... :)

...e bom regresso à realidade portuga...! *

Lótus Azul disse...

Shusen shufften taruz!*

* Bem vinda miúda! Já fazias cá falta!

Ps- Cócos pela casa toda??? Atão?mas a tua amiga babysitter baldou-se?!

izzolda disse...

Ainda não conheço Praga, com grande pena minha...mas já esteve mais longe!

Adorei a ideia de adoptar a palavra Shusen como única ferramenta de comunicação no estrangeiro, LOL! Principalmente quando não dominar a língua e quiser dizer impropérios!

Bem-vinda!**